Les Poupées

Les Poupées

Duas poupées entraram no meu estúdio…
Luz! Câmera! Ação!
Cada uma na sua posicão.
Uma na direção, outra na observação.
Rebatedor posicionado, luminosidade.
No retrato revelado
reencontro duas meninas que
emocionam. O olhar curioso indaga:
-Qual direção tomar?
Por onde seguIR?
-Importa agIR? Ou sentIR?
-Qual o rumo certo?
Importa dIRigIR!
O caminho se faz caminhando.
Meu desejo um dia retratá-las novamente
e reVER tal olhar qual enredo encontrou.

ReTRATO

ReTRATO

Ato do reTRATAR
Colocar no papel o reTRATO
Deixar a poesia se confundir entre
Imagem, arte e sentimento.
Quero reTRATAR, tratar novamente
Deixar o AR entrar.
Espaçar distancias, encurtar saudades
Diante das minhas câmeras tenho visto
reTRATOS que a vida apresenta.
Quero o fino trato, o traço fino
do desenho feito pelas
Luzes, das marcas da vida nas feições e
Semblantes. Cada novo rosto
reTRATADO um universo sem fim.
Oportunidade rara em observar a riqueza
criativa da qual somos feitos.
Constituídos dos mesmos elementos,
Dois olhos, um nariz e uma boca.
Tamanha diversidade. Beleza única.

Dora Maar por P.Picasso