Luxo…

Luxo é tempo, espaço e silêncio.

Luxo não é sinônimo de riqueza e pretensão.

Luxo é ter paz de espírito.

Luxo são pequenos detalhes que nos fazem
sentir bem.

Exemplo: tomar um café com vista para o mar.

Luxo é a mão estendida.

A contemplação de um anoitecer.

O desenho que os pingos de chuva formam
na janela.

Uma flor.

Pode ser a escolha do nome para o filho(a).

O silêncio absoluto em um mundo dominado pelo
barulho, pelo som, pelos ruídos.

Generosidade é um luxo.

O luxo está nas pequenas coisas
que,

na realidade, são enormes
como:

o amor ao próximo,

o perdão,

a dignidade.

Arquitetura, design, estética – um convite para ver, além de olhar…

Dizem que a beleza está nos olhos de quem a aprecia. Cada olhar é único, por isto todos os detalhes não podem passar despercebidos…

A beleza está na textura. Na luz que bate. No teto. No chão. Em cada esquina…o olhar para ver, não apenas olhar.

A beleza está na simplicidade de um jardim. No contraste das cores. Na luz que entra pela janela. Na quietude quebrada apenas pelo canto dos pássaros…